Para escolher um Filhote: Importância do Pedigree (Registro)

Quando decidir comprar um filhote, faça algumas perguntas a você mesmo:
- Qual o tipo de cão que quero comprar?
- O que pagarei pelo filhote, será um investimento ou uma “dor de cabeça” pelas dúvidas que passarão a surgir na continuação da leitura deste questionário?
- Quero comprar um cão com a segurança de que ele tem procedência e que se qualquer coisa acontecer (displasia, por exemplo, que infelizmente devido à criação sem controle é hoje muito comum em cães das raças Pastor Alemão, Pastor Belga Malinois, Golden Retriever, Rottweiler, entre outros) tenho como me assegurar de meus direitos através de um contrato?
- Quero comprar um filhote de cães radiografados e radiografias homologadas, com laudos, para ter certeza de que nada existe de errado com os Pais da ninhada, ou vou esperar o filhote crescer para ver se ele é doente ou não?
- Quero comprar um cão que vem de gerações de excelente linha de sangue, com registro, de um criador que tem um canil legalizado e que permite que eu tenha acesso a todos os documentos dos cães ou vou comprar de um lugar onde tudo isso é “falado” e nada comprovado?
- Vou comprar um filhote sem registro, mesmo ciente de que isso envolve financiar a clandestinidade e aumentar cada vez mais as chances de aparecerem cães displásicos, ou com outras doenças, abandonados nas ruas, cujos Pais não foram selecionados, ou seja, comprar um filhote onde o criador não submeteu os Pais da ninhada aos testes exigidos por lei para ver se os mesmos estão aptos a reprodução?
- Quero comprar um filhote, cujos Pais “ouvi” falar que são bons, ou vou comprar um filhote de cães que estão em treinamento e de uma cruza onde pelo menos um dos Pais seja graduado, que já comprovou através de provas de seleção que é bom, e não só que “falaram que é bom”?

Primeiramente procure canis e criadores que se mostrem preocupados com a saúde dos seus cães, que tratem os mesmos com boa alimentação, que tenham boa higiene, que zelem pelo bem estar do animal e que seja credenciado nos órgãos competentes. 
Quando alertamos para que olhem se os seus futuros filhotes têm procedência e se pelo menos um dos Pais da ninhada é graduado, se ambos forem, melhor ainda, lembre-se, que se graduar cães fosse fácil, todo mundo graduaria, as provas de seleção existem para isso, para “selecionar” os cães bons em suas mais diversas aptidões, como faro, obediência, proteção, etc., além de estrutura e padrões da raça. Comece a se questionar o porquê dessa falta de graduação, pois um profissional dessa área tem como dever lhe vender cães de procedência. Não aceite desculpas.
Um filhote de procedência (de um canil registrado, de um criador responsável) é mais caro mesmo? Será? Um filhote de procedência, com pedigree, vem de uma estrutura organizada e de fortes investimentos na área, vem de uma linha de sangue de ótimos precedentes, tratados com ração de qualidade, com vacinas em dia e de um lugar higiênico e preocupado com a sua aquisição. 
Agora, é com você decidir o que quer para você e para sua família.

Solicite ao criador os seguintes documentos (que é seu direito e dever do criador):
- Laudo de Displasia Coxofemoral dos pais da ninhada (Imprescindível)
- Registros dos pais da ninhada (anote os números dos registros e confira se os mesmos estão em ordem através dos sites da FCI, CBKC, SBCPA e outros);
- Registro do Canil na FCI, CBKC e SBCPA (você mesmo pode verificar pelo site se o canil do criador está em dia e se tem procedência, basta acessar o site destes órgãos ou contatar o Kennel Clube de sua Cidade). Obs. Se o canil não constar no site, peça ao proprietário o porquê disso. Se a alegação for de que a documentação está tramitando, solicite para ver o ofício (ou cópia deste) que comprove tal informação e após ligue para o Clube em questão, CBKC, FCI, SBCPA, Kennel Clube de sua cidade ou afins e confirme a situação.
- Verifique a procedência do nome do Canil e pergunte ao proprietário, se for o caso, qual a procedência do Canil e verifique nos órgãos competentes na internet, FCI, CBKC, SBCPA e outros, pois infelizmente, várias pessoas emitem pedigrees de canis de outros lugares para registrar suas ninhadas, canis de outros estados e que nunca sequer tiveram contato com os filhotes que você está adquirindo, portanto, VERIFIQUE A PROCEDÊNCIA.
- Prazo de entrega do registro/pedigree tem limite, consulte antes e não aceite desculpas;
No caso de raças que tenham Clube Especializado onde existam regras de criação (no Brasil, somente Pastor Alemão e Rottweiler possuem), solicite também ao criador:
- PPA (permissão para acasalamento) dos pais da ninhada
- Documento de verificação de ninhada realizada pelo veterinário do Clube
Não abra mão dos documentos acima, pois são estes os indicadores de que você esta comprando filhote de criação selecionada e criteriosa.
Sempre que possível, solicite ver a chapa e laudo de displasia dos pais do filhote (note que são duas coisas diferentes, raios-x e laudo). O laudo deve ser "A", "B" ou "C" (HD-, HD+/- ou HD+). Se o criador tiver os laudos dos avôs, excelente!

Faça a sua parte. Infelizmente todos os anos dezenas de novos proprietários se arrependem a um preço muito alto por não terem dado a devida atenção a essas dicas.
E saiba que não é só levar em conta o preço do filhote, você deve solicitar para ver a radiografia e pedir cópia do laudo dos pais e toda documentação acima explicada, é seu direito e dever do criador.
Vários cães acabam abandonados, donos frustrados com seus cães e arrependidos amargamente por não ter dado a devida atenção as dicas acima, e o resultado disso tudo pode ser mudado a partir do momento em que cada um de nós fizer a sua parte em fornecer e solicitar a documentação correta e não aceitar desculpas. 

Não compre e não financie a criação descontrolada e sem critérios, exija seus direitos. Você também tem a opção em adotar um animal, sugestões em nossos links sugeridos, existem muitos cães bacanas e especiais, cheios de amor para dar e precisando de um lar. No caso de compra ou adoção todos os donos responsáveis devem estar conscientes de seus direitos e deveres para com seu amigo.